Receba dicas grátis!

Resolver o problema da água verde na piscina é simples

Resolver o problema da água verde na piscina.Resolver o problema da água verde na piscina é simples.

Manter a piscina limpa e higienizada é fundamental para que os momentos de lazer e relaxamento sejam saudáveis para todas as pessoas. Nos meses mais quentes, essa limpeza é constante devido a utilização. Já em meses mais frios, geralmente as pessoas não limpam suas piscinas com tanta frequência. Aqui, um problema começa a aparecer: a água fica esverdeada. Mas, apesar de causar um pouco de estranheza, esse fenômeno é relativamente comum.

Muita gente que possui piscina passa por isso, e é possível resolver o problema da água verde na piscina é simples e sem muitas complicações. Contudo, para entender como resolver este problema, primeiro, devemos entender suas causas.

Como a água fica esverdeada

O aspecto esverdeado da água aparece quando uma série de fatores acontece. Dentre eles, o tratamento inadequado da água. Isto porque o cloro e o pH devem estar em níveis equilibrados para que organismos externos não possam se desenvolver desde que mantenham-se níveis aceitáveis para não causar irritação na hora de tomar um banho de piscina. Quando ocorre a desestabilização deste pH da água, ela se torna muito ácida ou alcalina. Isso cria o ambiente propício para o surgimento de pequenas algas, trazidas para a água através dos ventos e da chuva. E, mesmo com uma capa protetora, ainda é possível que algas entrem na piscina. Com a combinação de todos estes fatores, está criado o ambiente perfeito para as algas se proliferarem e causarem a coloração verde da água.

Dicas pra evitar que o problema apareça

Primeiro de tudo, é fundamental não deixar a água parada! Quando ela fica muito tempo sem movimento, os detritos vão se acumulando no fundo da piscina e. Isso cria as condições ideais para que algas surjam e se desenvolvam. E isso não significa que a piscina precisa ser utilizada todos os dias. Basta uma filtragem diária (conheça os tipos de filtros pra sua piscina aqui) para que a água fique em movimento e seja limpa constantemente. Outra dica é retirar qualquer tipo de sujeira, como folhas, grama ou galhos que possam cair dentro da água. É muito mais fácil remover pequenas sujeiras quando elas ainda estão boiando do que quando ela se aloja no fundo da piscina.

Como resolver o problema da água verde na piscina?

Ver a água da sua piscina completamente verde pode ser um pouco desesperador. Contudo, para resolver o problema da água verde na piscina, basta seguir alguns passos. Para começar, é preciso avaliar como está a qualidade da água e os níveis de alcalinidade e pH. Em uma água perfeita, a alcalinidade fica entre 80 e 120 ppm e já o pH, entre 7,2 e 7,6. Outro elemento que também deve ser medido é o cloro, que precisa estar entre 1,0 e 3,0 ppm para ser considerado estável e propício para banho. O cloro tem a função de proteger os banhistas, eliminando as bactérias que porventura podem tentar se instalar na água.

Caso a situação esteja mais grave e as algas tenham se proliferado pelo fundo da piscina, será preciso uma limpeza bem mais profunda. Essa limpeza envolve a bomba e o sistema de filtração. Além disso, será preciso escovar todas as paredes e aguardar algumas horas para que o processo de decantação ocorra. Depois disso, o fundo deverá ser aspirado para que todas as sujeiras sejam completamente removidas.

Os produtos ajudam, mas o cuidado é constante

Olhando assim, pode parecer que, quando o problema aparece. É só utilizar alguns produtos e tudo está resolvido. Porém, apesar deste problema da água esverdeada ser comum, ele não é normal, e deve ser encarado como um alerta de que algo não está sendo feito da maneira correta ou na periodicidade recomendada.

Seguindo os passos que listamos em nosso blog, é possível manter a sua piscina limpa e própria para banho em todas as estações do ano. Para saber mais sobre outras informações úteis sobre manutenção, produtos e muito mais, acompanhe o blog da Sol e Água clicando aqui.

Adicionar comentário