Receba dicas grátis!

4 dicas para melhorar o desempenho do aquecedor solar para piscina

O aquecedor solar para piscina é um equipamento essencial para que todos possam aproveitar dos momentos de lazer e relaxamento na água, mesmo naqueles dias mais frios. Ou seja, nada de deixar a piscina parada durante o outono ou o inverno!

Mas com melhorar o desempenho desse equipamento para que, de fato, a água de sua área de lazer esteja em uma temperatura agradável quando você precisar? Descubra algumas dicas para que o seu aquecedor solar para piscina se mostre ainda mais eficiente!

1. Localize as placas do aquecedor solar para piscina adequadamente

É importante garantir que as placas do seu aquecedor solar para piscina estejam posicionadas em uma boa localização. É preciso colocá-las em um lugar que receba boa incidência dos raios solares.

De maneira geral, os telhados são os lugares mais indicados para o posicionamento das placas. No entanto, essa não é uma regra a ser seguida sempre. Considere o ângulo de incidência dos raios solares, o período ao longo do qual as placas ficam em exposição, a existência de sombras na localidade e a temperatura.

Em alguns casos, uma boa estrutura de alvenaria mais próxima à piscina pode ser montada para o posicionamento das placas.

2. Considere ainda o tamanho da sua piscina e a frequência de uso

Para que o projeto do aquecedor solar para piscina tenha sucesso, esses pontos precisam ser considerados com muita atenção. O tamanho da piscina e a frequência de uso influenciarão no dimensionamento do aquecedor solar.

Ou seja, pode ser necessária uma quantidade maior ou menor de placas e posicioná-las para que haja mais ou menos incidência solar sobre elas.

Se a piscina for utilizada por muitas pessoas, pode ser necessária uma quantidade maior de calor para mantê-la aquecida.

3. Cuide da manutenção e limpeza das placas

O material especial das placas do seu aquecedor solar (vidro e tinta escura) precisa de limpeza periódica, se você deseja que elas absorvam o máximo de energia possível. E as sujeiras que se acumulam nas placas podem bloquear a captação da luz solar.

Logo, se o sistema não estiver sendo bem cuidado e higienizado, seu desempenho máximo não será atingido. O equipamento será menos útil e eficiente. Cuide da limpeza de acordo com as orientações do fabricante, assim a baixa performance e ocasionais danos são evitados.

As placas são duráveis, mas isso não quer dizer que não precisem da manutenção adequada. De maneira geral, vale dizer que o processo de limpeza é bem simples, e você não deve fugir dele.

4. Evite impactos nas placas e demais equipamentos

A integridade do seu sistema é essencial para o bom funcionamento do aquecedor solar para piscina. Impactos podem ocasionar rachaduras e, até mesmo, a quebra das placas. Dessa forma, sua função não será cumprida como realmente deveria.

Cuidando bem do equipamento e ao contar com uma boa área de proteção para o sistema, ele não será acessível para todos. Assim, diminuem as chances de ser atingido. Isso favorece a alta performance do sistema e a durabilidade do seu aquecedor solar.

Com todas essas dicas em dia, nada impedirá que o seu aquecedor solar para piscina funcione de maneira satisfatória para todos!

Gostou de saber dessas dicas? Ainda restou alguma dúvida que precise esclarecer? Deixe aqui o seu comentário!

Adicionar comentário